• Silvia Marto

Hórus


Hórus


"Por ele o mundo é julgado naquilo que contém.

O céu e a terra encontram-se sob sua presença imediata.

Governa todos os seres humanos.

O sol dá volta segundo sua vontade.

Produz abundância e a distribui pela Terra.

Todos adoram sua beleza.

Doce é seu amor em nós."



Hórus é um deus solar, filho de Ísis e Osíris. É representado com a cabeça de falcão, irradiando luz de seus olhos. Ele é o princípio do fogo, a encarnação de Rá na terra.


Hórus é o herói que na luta entre o bem e o mal, promove a vitória do bem, da luz.


Ele luta constantemente contra as trevas para que o novo dia sempre renasça. É o deus protetor dos jovens, os ensina a serem obedientes para que aprendam a serem justos.


Hórus arriscou sua própria vida para vingar a morte de seu pai Osíris. Ele mata Seth, o assassino de seu pai, e passa a ser representado como um falcão.É um dos deuses mais importantes da cosmologia egípcia. A vitória sobre Seth,que representa a vitória do bem sobre o mal, lhe dá o direito de governar o Egito.


Ser representado por um falcão traz o significado de visão poderosa, capaz de encarar o próprio sol, "aquele que pode olhar diretamente para a luz". Há uma analogia entre o sol e o falcão.


O falcão é considerado como sendo a própria encarnação de Hórus no Egito.


Hórus é representado como um homem com cabeça de falcão usando as coroas de rei do Alto e Baixo Egito. O faraó era a encarnação de Hórus, ele representava Hórus na terra.


É um deus guerreiro do bom combate,sempre assegurando a vitória do bem pelo poder da luz.


Hórus é um intermediário entre os seres humanos e os poderes divinos, mantenedor da ordem no universo. Ele conduz os mortos à presença de Osíris.


No "Livro dos Mortos", ele é o mediador entre o morto e Osíris, durante o "julgamento de Osíris".


O símbolo de Hórus é o "olho de Hórus".


Segundo o mito, esse olho possui poderes mágicos e acabou se tornando um poderoso amuleto, capaz de espantar o mal, trazendo boa sorte, prosperidade, proteção e saúde.


A interpretação que cabe neste mito, é a de que através da verdade, justiça, bondade e amor, a vitória do bem é infalível,e o julgamento sempre será favorável. O "olho que tudo vê" nos retribui de tudo de acordo com nosso merecimento, basta trilhar o caminho do bem e do

amor, se quisermos desfrutar de "boas colheitas".



Silvia Marto

Mitoanalista

www.silviamarto.com.br

Destaque
Tags
Siga
  • Instagram Hélio Couto
  • Facebook Hélio Couto
  • Hélio Couto
Postagens
  • Instagram Hélio Couto
  • Facebook Hélio Couto
  • Hélio Couto
Pat logo4.png

Hélio Couto - Mitologia Analítica - Todos os direitos reservados